.: Notícia:.

 

Balanço da Vale
VALE TEM LUCRO LÍQUIDO RECORDE NO SEGUNDO TRIMESTRE DE 2021 DE 40,1Bi
sem imagem

Com ou sem Covid, os trabalhadores na Vale demonstram o seu forte empenho no trabalho e asseguram à empresa apenas no segundo trimestre de 2021 um lucro líquido de 49,84% superior ao resultado de 2020, quando o lucro em todo o ano foi de R$ 26,7 bilhões.

Os números representam novos recordes para a empresa. O segundo trimestre foi fechado com uma receita de R$ 87,8 bilhões, com uma geração de caixa de R$ 58,1 bilhões. Foram produzidas 75,7 milhões de toneladas de minério, alta de 12% em relação ao segundo trimestre de 2020. A empresa espera extrair até o final de 2021, cerca de 330 milhões de toneladas por ano, com a capacidade total de produção no projeto Serra Leste, no Pará e retomada de minas que estavam paralisadas no sudeste.

DESEMPENHO DOS TRABALHADORES

Além de ser beneficiada pela variação de altas do dólar, a empresa teve a seu favor uma elevação do preço médio do minério, que ultrapassou pela primeira vez a marca dos US 200 por tonelada.

O reaquecimento da economia, sobretudo na China, principal mercado, exigiu dos trabalhadores um desempenho descomunal para atender a demanda. Devemos ressaltar o grande sacrifício der todos para atingir metas, diante de todas as restrições impostas na segurança e proteção contra a Covid-19, que forço atividades operacionais, com número mais reduzido de trabalhadores, extensão de jornadas e forte política de contenção de custos.

Os números da empresa permitem aos trabalhadores a expectativa de um resultado positivo nas negociações do Acordo Coletivo de Trabalho nacional, em nossa data-base de 1º de novembro, e ainda para termos uma Participação nos Lucros e Resultados (PLR), que efetivamente premie o empenho para alcançar o plano de metas da empresa.

          

[+] Veja mais noticias              Voltar para página inicial